fbpx
  • R. Mecenas Pinto Bueno, 1074 | Marília-SP
  • 14 98143-3752

  • Segunda a sexta: 08h - 18h
  • contato@kplan.com.br

  • Telefone

    14 98143-3752

  • E-Mail @

    contato@kplan.com.br

Saber como o usar o cartão de crédito de forma sustentável é fundamental para quem deseja manter suas finanças equilibradas, sem entrar no ciclo do endividamento.

Nesse artigo você conhecerá 3 erros frequentes que levam ao mau uso do cartão e 4 dicas valiosas para utilizá-lo em favor da realização de seus projetos. Confira.

Como usar o cartão de crédito a seu favor: fuja desses 3 erros

Para aprender como usar o cartão de crédito corretamente, primeiro você precisa evitar esses 3 erros fatais:

credit card money GIF by Dumbfoundead

1.Usar o limite do cartão de crédito como uma extensão do salário.

Tratar o limite do cartão de crédito como uma extensão da sua renda mensal é um erro muito frequente. Esse erro pode inviabilizar seus projetos futuros, ao fazer de você uma pessoa endividada.

É totalmente equivocado pensar que se o limite do seu cartão é de R$ 3.000 e seu salário de R$3.500, está tudo sob controle e você não corre o risco de se endividar.

Para começar, é provável que você adquira dívidas por outros meios, que se somam à fatura do cartão de crédito: crediário da loja X, uma conta no “mercadinho do Zé" e por aí vai.

chega o final do mês, qual é a sua grande descoberta? Suas despesas extrapolaram R$ 3.500, surpresa, você está endividado!

 

2.Pagar o mínimo da fatura e deixar a dívida crescer

Ao chegar à conclusão de que é impossível pagar o valor total da fatura, qual é a solução mais fácil? “Empurrar com a barriga”, ou seja, pagar somente o mínimo.

Desse jeito, em função das altas taxas de juros, as coisas vão ficando cada vez piores. Seu grau de endividamento em relação ao cartão de crédito vai crescendo num ritmo incontrolável.

 

3.Perder o controle sobre os gastos acumulados no cartão

Vamos a um exemplo: a pessoa compra uma geladeira em 10 vezes de R$150. Tudo certo.

No mês seguinte, ela adquire uma televisão em 10 parcelas de R$200 e pensa “somando dá R$350, tranquilo, eu consigo pagar”.

Só que ao longo do mês são feitas outras compras com o cartão, que acabam não sendo contabilizadas.

Esse é justamente o terceiro grande erro: não manter um controle detalhado dos gastos, incluindo pequenas compras à vista (aquele lanche no shopping ou uma passada na farmácia, por exemplo).

E qual acaba sendo o resultado dessa falta de controle? Chega um mês em que você não tem como pagar o valor total da fatura. Esse é o caminho perfeito para se tornar uma pessoa endividada.

Agora que já falamos sobre os principais erros, vamos às dicas de como usar o cartão de crédito a seu favor..

 

Como usar o cartão de crédito sem se endividar: 4 dicas valiosas

Machine Card GIF

1.Controle detalhadamente os gastos, por escrito.

Guarde todos os recibos de compras feitas no cartão juntos e vá anotando e somando os valores ao longo do mês. Realizando esse controle preciso, você evita uma fatura “impagável” no mês seguinte.

 

2.Lembre-se de que nem todas as suas despesas são pagas com o cartão.

Além de controlar detalhadamente todos os gastos feitos no cartão, é fundamental incluir em seu planejamento outras despesas mensais ao estipular o valor máximo em que a fatura pode chegar.

 

3.Entenda que o cartão não é a solução para realizar todos os seus sonhos de consumo.

A ideia de que o cartão de crédito é um “realizador de sonhos” não passa de uma grande ilusão. Porque, no fim do mês, como diz o ditado, a conta chega.

Na verdade, o seu “realizador de sonhos” é a sua capacidade de honrar os compromissos assumidos dentro do seu planejamento financeiro pessoal.

 

Credit Card Debt GIF4.Mantenha seu cartão inacessível por algum tempo.

Faça essa experiência para avaliar o impacto dos gastos no cartão sobre suas finanças.

Vale pedir para sua mãe guardar, ou até sua sogra, o importante é que você não possa usá-lo facilmente.

Sem o cartão em mãos, quando surge o desejo de comprar algo, você acaba não comprando.

E no final do mês você perceberá que fez uma grande economia. Isso ajuda a refletir sobre a real necessidade de boa parte dos bens que adquirimos com o cartão ao longo do mês.

 

Essas foram as dicas de como usar o cartão de crédito sem entrar para as estatísticas de endividamento no Brasil.

É importante que você não veja o limite do cartão como uma extensão de seu salário, não pague somente o mínimo da fatura e não perca o controle sobre o montante dos gastos acumulados.

Para usar o cartão a seu favor, pare de se iludir achando que ele é um  “realizador de sonhos”, controle todos os gastos por escrito, lembre-se das demais despesas e experimente deixá-lo fora do seu alcance por algum tempo.

Colocando essas dicas em prática, o cartão nunca mais será o vilão das suas finanças!

Organize suas finanças de um jeito simples

Sem complicação, nem cálculos complexos. Aprenda na prática como aumentar seus ganhos e ficar longe das dívidas

Gostou? Compartilhe!

Especialista em Educação Financeira, Palestrante e Instrutor em treinamentos; Consultor na área de Gestão Empresarial, com foco em produtividade; Sócio da KPLAN Consultoria e Assessoria.

Tags: , , ,

X