Impacto da tecnologia nas empresas: como se preparar?

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O impacto da tecnologia nas empresas, incluindo novas demandas em relação à mão de obra, é uma realidade.

Aqui o termo “tecnologia” não se refere somente à indústria 4.0, que representa o que há de mais avançado em termos de automação, tecnologia da informação e controle.

Isso porque, para as pequenas empresas, medidas simples de automação de processos ou adoção de novas ferramentas digitais já podem fazer toda a diferença, principalmente no que se refere ao aumento da produtividade e competitividade.

Mas, também é preciso ver o outro lado: a redução no quadro de funcionários que sempre ocorre quando uma máquina consegue substituir vários braços humanos.

Ao longo do artigo vou desenvolver melhor essas questões, focando nos benefícios que a tecnologia pode trazer para empresas de todos os portes e os desafios que essa nova realidade impõe ao mundo do trabalho.

Impactos da tecnologia nas empresas

Além da automatização crescente na indústria, os impactos da tecnologia podem ser percebidos em empresas do setor de comércio e serviço, de todas as áreas.

Canais digitais de comunicação externa e interna, sistemas de gestão integrada e armazenamento em nuvem são alguns exemplos de ferramentas cada vez mais utilizadas pelas organizações.

Porém, ainda há quem resista às mudanças e ache que ficar analisando dados no computador não é “trabalho de verdade”.

Esse é um tipo de mentalidade que literalmente bloqueia o desenvolvimento de um negócio, fazendo com que a empresa perca competitividade diante dos concorrentes que estão alinhados às novas tendências tecnológicas.

Às vezes, não se trata de resistência e sim de falta de conhecimento por parte dos líderes e gestores da empresa o que atrasa ou impede a adoção de novas ferramentas. Nesse caso, pode-se recorrer a uma consultoria empresarial para viabilizar as mudanças.

Benefícios da tecnologia

Conheça a seguir os principais benefícios da tecnologia para as empresas:

Aumenta a produtividade

A tecnologia ajuda a aumentar a produtividade das empresas, porque reduz o uso de controles manuais (e o retrabalho) e padroniza processos, permitindo fazer mais com menos recursos.

Deixa a equipe mais motivada

Ao automatizar processos, a tecnologia permite ter um time de colaboradores mais eficiente e motivado. Pois, dessa forma, as tarefas repetitivas são eliminadas e as pessoas podem se dedicar a atividades que exigem raciocínio e permitem desenvolver novas habilidades.

Reduz custos

A tecnologia pode auxiliar na redução de custos e despesas na empresa de diferentes formas. Começando por um sistema de gestão financeira integrado que permita uma visão ampla das áreas onde é possível cortar ou remanejar recursos.

Também não se pode ignorar o fato de que a automatização contribui para a redução de custos com mão de obra.

Como sua empresa pode se preparar

O primeiro passo para aproveitar a tecnologia na empresa é ter uma postura aberta como empreendedor e buscar se manter informado sobre novas ferramentas que possam ser aplicadas ao seu ramo de atuação.

Se for necessário, solicite ajuda externa para selecionar e implementar as soluções tecnológicas mais adequadas para seu negócio. Como mencionei, uma consultoria pode ajudar bastante nessa hora.

É fundamental que todos os colaboradores se engajem em aprender a lidar com as novas ferramentas e tirar o maior proveito delas, porque, sem as pessoas, a tecnologia por si só não traz resultados.

Por fim, lembre-se de que sua empresa não pode ficar “refém” da tecnologia. Isso significa que é preciso conhecer e dominar bem todos os processos antes de aplicar ferramentas de automação.

Pessoas serão substituídas por robôs?

Ao falar de impactos da tecnologia, não podemos deixar de pensar sob o ponto de vista das pessoas, que são sempre a parte mais importante de uma empresa.

Sem dúvida, há postos de trabalho que desaparecem quando a automação é implementada em uma empresa, especialmente nas indústrias.

E com o avanço da inteligência artificial, atividades cada vez mais complexas podem ser realizadas por robôs, que já não se limitam às tarefas “braçais” e repetitivas nas fábricas.

Inclusive, o pesquisador Carl Frey, da Universidade de Oxford, analisou 702 ocupações e chegou a uma lista das 10 profissões onde as pessoas mais correm o risco de serem substituídas por robôs no futuro.

No topo da lista está a função de agente de crédito, seguida por analista de crédito e corretor de imóveis.

Já no topo das profissões menos suscetíveis ao avanço tecnológico, segundo o estudo, temos:  supervisor de trabalhos mecânicos, diretor de gerenciamento de emergências, audiologista e terapeuta ocupacional.

Habilidades insubstituíveis

O mesmo pesquisador que apontou as profissões mais “ameaçadas” por robôs reconhece que certas habilidades humanas, como inteligência social e originalidade, dificilmente poderão ser substituída pela ação das máquinas.

Parece que o caminho para se destacar no mercado de trabalho, mesmo em tempos de automação, passa por desenvolver as chamadas soft skills, habilidades subjetivas e diretamente ligadas à inteligência emocional, como:

Ou seja, o segredo para sobreviver em um mundo cada vez mais automático é ser humano, no melhor e mais profundo sentido da palavra!

E você, como avalia o impacto da tecnologia nas empresas atualmente? Deixe seu comentário!

Você também vai gostar desses:

Identificando Excessos de Gastos

Frequentemente você repara que o dinheiro do seu salário acaba muito antes de chegar o último dia do mês? É preciso atuar

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×
×

Carrinho

Junte-se a nós!

Cadastre-se e receba dicas e materiais exclusivos

X